Quinta-feira, 1 de Fevereiro de 2007

Slogans pró-aborto

Estes textos são excertos de um livro de João Araújo:

"Aborto, sim ou não?".

Pretendem desmontar os principais slogans pró-aborto usados actualmente em Portugal.

Discriminação dos Pobres - «Proibir o aborto é uma discriminação das mulheres pobres. As ricas podem ir ao estrangeiro, ou a clínicas privadas, fazer o aborto com toda a segurança. As pobres sujeitam-se a sórdidos vãos de escada».

Abortam-se Fetos: Não Se Abortam Bebés - «O aborto mata um feto, não mata um bebé.» 

Ninguém Aborta Por Prazer - «Nenhuma mulher aborta por prazer (desporto, gosto, etc.). Se ela decide abortar é porque não vê alternativa e quem somos nós para julgar a sua situação particular?»

A Questão de Consciência - «O aborto é uma questão de consciência».

O Feto é Parte do Corpo da Mulher - «O bebé faz parte do corpo da mulher. O aborto mata uma parte do corpo, um parasita.»

Despenalização - «Não se quer legalizar nem liberalizar o aborto: quer-se despenalizar.»

Os Homens Não Podem Falar - «O aborto é uma questão que só diz respeito às mulheres. Não deveria ser discutida nem decidida por homens».

Liberdade de Escolha - «A mulher deve ter a possibilidade de escolher o que lhe parece melhor. Numa sociedade democrática as pessoas são livres. Eu não sou a favor do aborto: sou a favor da liberdade de escolha.»

Impor a Moralidade - «Proibir o aborto é legislar moralidade. Pessoalmente sou contra o aborto, mas não posso impor as minhas convicções morais aos outros».

Mulher e Médico - «O aborto é um assunto da mulher e do seu médico»

Ninguém é Obrigado a Abortar - «A legalização do aborto não obriga ninguém a abortar. Quem entende que as suas convicções não lhe permitem abortar, não aborte».

Personalidade Jurídica - «O aborto é aceitável porque a personalidade jurídica começa no nascimento».

As Cadeias São Pequenas - «Não há possibilidade de prender todas as mulheres (sejam 18000, 20000, etc.) que abortam ilegalmente. Por isso, na prática, o aborto já está legalizado mas sem condições, sem regras, sem controle.»

Pobres e Deficientes - «E nos casos em que o bebé é deficiente ou a mãe é demasiado pobre para o sustentar?»

Outros Países - «Portugal deve juntar-se aos países mais avançados do mundo, aproximando a sua legislação das leis em vigor no estrangeiro.»

Por Razões de Segurança - «Um aborto precoce não tem os riscos do aborto tardio e, assim, a lei, ao permitir o aborto até ás dez semanas, está a promover os abortos precoces que por razões de segurança devem ser sempre preferidos.»

Criminalizar - «Parece-lhe que a mulher que aborta deve ir para a cadeia? Ser presa junto com as criminosas? Ser considerada uma criminosa? Por causa dum feto?»

Tudo é Vida - «E porque não reconhecer direito à vida ao espermatozóide? Também é vida humana, tal como o zigoto.»

publicado por apenasumolhar às 13:13
link do post | comentar
|
... ...

.sobre mim

 Image Hosted by ImageShack.us

.olhares recentes

. Capicua escrita

. Máquina de loiça... de po...

. Viver no Kruger Park!

. Aventura no Deserto em TT...

. O Amor Visto Pelas Crianç...

. Design Utilitário Curioso

. Para Rir!

. Patriotismo...

. Sons que gosto de ouvir

. ABRIL, 25

. Fotos de Portugal

. Para pergunta disparatada...

. Maria, a grande artista d...

. No Arquivo Nacional da To...

. E-cards

.olhares passados

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.olhares favoritos

. Poema à mãe

. MAIO - Mês de Pirilampo

. Projecto Esperança - Ajud...

.pesquisar

 

.dicionário

.outros olhares

.os meus olhares

.olhar do dia

.vamos ajudar!


.música


Myspace Mp3 Player, MySpace MP3 Players, Flash MP3 Players


.olhares visitantes

Locations of visitors to this page
video poker
Pares de Olhos na Página http://www.trippytext.com/ - Trippy Text

Click for Lisbon, Portugal Forecast